Portal do Caminhante Esqueci minha senha
Rede Corporativa
Santos - São Paulo - Brasil, 24 de novembro de 2017.
11/03/2014
Dicas para caminhada
Dicas de Caminhada
Proteja-se do sol, mesmo no inverno!

Os raios UVA incidem praticamente da mesma forma durante todo o ano e são os maiores responsáveis pelo fotoenvelhecimento. Já os raios UVB, que ocorrem com mais intensidade no verão, penetram superficialmente na pele causando as queimaduras e as alterações celulares que podem vir a causar doenças, inclusive o câncer.
Aplicação de filtro solar, uso de bonés e roupas coloridas são essenciais para diminuir os efeitos nocivos da radiação.
Para quem tem a pele muito sensível, recomenda-se optar pelas camisas de mangas longas no período de maior incidência dos raios ultravioletas.

Desfrute da pirâmide alimentar!

Porções de frutas variadas e refeições ricas em carboidratos e proteínas oferecem vitaminas e energia essenciais para uma nutrição balanceada.
A laranja, por exemplo, é fonte de vitamina C, um anti-histamínico natural que protege contra o efeito de muitas bactérias e doenças infecciosas.
Já a banana contém potássio, eficiente no combate às inconvenientes cãibras.
Evite os extremos. Caminhar após uma alimentação pesada, ou em jejum, pode causar desconfortos e até desmaios, prejudicando seu desempenho na atividade.
Tenha sempre na mochila um lanche leve e uma barrinha de cereais ou pacotinho de frutas secas, como castanhas, nozes, amêndoas e avelãs.

Tecidos leves e tênis macios aumentam a sensação de conforto!

Na prática de atividades ao ar livre, as condições climáticas devem ser levadas em consideração na escolha da vestimenta.
Casacos de nylon que bloqueiam o vento, camisetas com tecnologia dry tech que facilitam a transpiração e calças de tactel com bolsos de fácil secagem podem ser grandes aliados na performance de uma boa caminhada.
Para evitar bolhas nos pés, pode-se optar pelo uso de meias antiaderentes ou, na falta destas, indicamos colocar uma meia mais grossa sobre a outra de tecido mais fino.

Aquecer os músculos sim, mas nada de hipertreinamento!

O alongamento serve para aumentar a flexibilidade das articulações, como joelhos e tornozelos, ajudando a prevenir lesões, reduzir as tensões musculares e ativar a circulação sanguinea.
Cada um deve ditar o seu ritmo, de forma gradual, para não provocar dores ou ocasionar problemas físicos mais graves. O ideal é começar com 30 minutos, duas vezes por semana, em terreno plano, antes de enfrentar longas distâncias.

Hidratar-se é fundamental!

Beber água antes, durante e depois da caminhada ajuda a evitar cãibras, quando ingerida da forma correta: de forma contínua, mesmo que não tenha sede, e em pequenos goles, para não distender o estômago e causar enjôo.
Não consuma mais de 800 ml de água por hora, pois esta é a quantidade máxima que o corpo absorve neste intervalo de tempo.

Itens indispensáveis!

Alguns itens são indispensáveis na mochila para realizar esta rota, são eles (água, viseira ou boné, roupas e calçados, cajado, capa de chuva e protetor solar).

Alongamentos!

Antes de realizar cada percurso, não se esqueça de fazer um breve alongamento e aquecimento para evitar lesões.

Atalhos da página


CONHEÇA OUTRAS ROTAS

SECRETARIA DE TURISMO
Segunda à sexta das 09h às 18h
R. Bandeira Paulista - 6º andar
Itaim Bibi - SÃO PAULO, SP
CEP: 04532-002
SERVIÇO DE APOIO AO CAMINHANTE
Segunda à domingo das 08h às 18h
0300 777 0745
Rede Corporativa e-Solution Backsite